Na última sexta, uma muçulmana foi presa em Paris planejando um atentado terrorista

Na última sexta, uma muçulmana foi presa em Paris planejando um atentado terrorista

16 de abril de 2019 1 Por Católica Conect

Uma das três mulheres supostamente envolvidas em uma conspiração frustrada em 2016 para explodir um carro cheio de botijões de gás perto da catedral de Notre Dame em Paris foi condenada na última sexta-feira (12) a oito anos de prisão por um tribunal francês por delitos anteriores.

Ines Madani, de 22 anos, foi sentenciada após um julgamento de três dias, durante o qual foi acusada de encorajar supostos jihadistas a ir à Síria para participarem de ataques contra a França entre março de 2015 e junho de 2016. 

Ela usou o Telegram – um aplicativo de mensagens criptografadas amplamente usado pelos jihadistas para se comunicar. 

A juíza Isabelle Prevost-Desprez disse que Madani foi “recrutada” por Oumar Diaw, também conhecido como Abou Barrou, um influente jihadista do grupo do Estado Islâmico. 

Ela usou diferentes pseudônimos nas redes sociais, fingindo ser Abu Souleymane, um jihadista que retornou de Raqa para realizar ataques na França. 

 “Você tinha alguma autonomia na gestão da sua personalidade… Sua determinação marca sua periculosidade ”

Juíza Prevost-Desprez.
O advogado de Madani, Laurent Pasquet-Marinacce, disse que sua cliente, com 18 anos na época, era “uma garota em busca de reconhecimento e amor”. “Esta (a sentença) é uma decisão aceitável”, disse ele.

O julgamento de Madani por tentar atear fogo ao carro cheio de seis botijões de gás perto de Notre Dame começará em 23 de setembro.

Fonte:
https://www.thejournal.ie/france-jails-jihadist-woman-accused-over-foiled-terror-attack-in-paris-4590216-Apr2019/