InícioNotícias da Igreja35 novos diáconos na Costa do Marfim

35 novos diáconos na Costa do Marfim

Published on

A ordenação dos diáconos ocorreu por ocasião do 25º aniversário da criação do Seminário Maior de Teologia Nossa Senhora de Lourdes de Ghessihio.

Foto: Vatican Media

Foto: Vatican Media

Redação (14/06/2024 09:48, Gaudium Press) A Igreja da Costa do Marfim possui, desde sábado, 8 de junho, 35 novos diáconos vindos de 12 dioceses do país, todos do Seminário Teológico Maior de Nossa Senhora de Lourdes de Guessihio, localizado na Arquidiocese de Gagnoa.

A cerimônia de ordenação diaconal foi presidida por Monsenhor Jean-Jacques Koffi Oi Koffi, bispo de São Pedro, administrador apostólico de Gagnoa.

Na homilia, Dom Alain-Clément Amiézi, bispo de Odienné e presidente da comissão episcopal para os seminários, o clero e a pastoral vocacional, exprimiu sua alegria ao testemunhar a constante renovação do clero da Costa do Marfim, e está convencido de que este é o plano de salvação do Senhor.

“Um projeto em que o homem é protagonista, daí o chamado que o Senhor continua a nos fazer para associá-lo a esse destino de salvação”, ressaltou, exortando os diáconos a tomarem Cristo como modelo e a agirem como Ele.

“Cumpra a vontade de Deus com todo o seu coração e amor, servindo alegremente a Deus e aos seus irmãos e irmãs”, e desejou que a disponibilidade dos diáconos os imergisse diariamente numa mística do ministério que não se limita somente às ações litúrgicas, mas ressurja ao longo de todo o seu futuro ministerial.

Viver no abandono e na confiança total no Senhor

“Também não leveis bolsa, nem mochila, nem sandálias; e a ninguém saudeis pelo caminho”, Dom Amiézi relembrou aos novos diáconos esta recomendação do Senhor os 72 discípulos.

Ele destacou que eles são enviados “como peregrinos de esperança em um mundo dominado por misérias multiformes” com a missão de restaurar a paz, a felicidade e a alegria de viver. Uma missão que eles devem cumprir no abandono e na confiança total no Senhor, que cuida sempre daqueles que Ele chama.

Seguindo este espírito, continuou D. Amiezi, “também os diáconos”, segundo o apóstolo Paulo, “devem ser dignos de respeito, ter uma só palavra, não se entregar à bebida, rejeitar benefícios desonestos, guardar o mistério da fé com uma consciência pura”, acrescentando que “os diáconos que exercem bem o seu ministério obtêm uma posição estimável e muita segurança graças à sua fé em Cristo Jesus”.

Com informações Vatican News

The post 35 novos diáconos na Costa do Marfim appeared first on Gaudium Press.

Últimas Notícias

Justiça extingue ação civil pública contra Arautos do Evangelho

Mídia sensacionalista e inescrupulosa amplificou acusações que afrontam a ética jornalística. Caso relembra o...

Implicações geopolíticas da visita do Cardeal Parolin à Ucrânia

As próximas eleições nos EUA podem já estar exercendo influência na situação da Ucrânia. Redação...

Teto de igreja dedicada a São Gregório Magno desaba no México

De acordo com as autoridades locais, o incidente ocorreu por conta de uma falha...

Senado Federal aprova Frente Parlamentar Católica

O grupo representará e defenderá “os interesses de significativa parcela da população brasileira que...

Audio-Book

148. I. Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório (AUDIOBOOK)

https://www.youtube.com/watch?v=8gGGSaTK2ic Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório — Bispo e Doutor da Igreja Quarta Dor...

147. II. Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório (AUDIOBOOK)

https://www.youtube.com/watch?v=63iCH0qZxGY Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório — Bispo e Doutor da Igreja Jesus é...

146. I. Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório (AUDIOBOOK)

https://www.youtube.com/watch?v=4b50saBVvfY Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório — Bispo e Doutor da Igreja Jesus é...