19 C
São Paulo
sexta-feira, abril 23, 2021

Aparecida: em 2020, pandemia fez cair 75% de peregrinações ao Santuário

Relatório do Santuário de Aparecida aponta queda de 75% no número de visitantes à Basílica em 2020: o menor fluxo de peregrinos dos últimos 50 anos.

 Relatório do Santuário de Aparecida aponta queda de 75% no número de visitantes à Basílica em 2020: o menor fluxo de peregrinos dos últimos 50 anos.

Aparecida – SP (06-01-2021, 11:30, Gaudium Press) Segundo um balanço divulgado pelo Santuário Nacional de Aparecida, 3.371.127 devotos estiveram na “Casa da Mãe Aparecida” no ano de 2020.

O mesmo balanço aponta que em 2019 o número de peregrinos havia sido de 11.963.635.

De acordo com os números oferecidos pelo relatório, o Santuário registrou uma queda de 75% no número de visitantes ao templo em 2020, se compararmos com 2019: o menor número de peregrinos dos últimos 50 anos.

A baixa presença de fiéis só é comparável ao movimento de peregrinos registrado no início da década de 1970, quando a Basílica Nova ainda não havia sido inaugurada.

Na década de 1980, Aparecida já acolhia cerca de 5 milhões de devotos por ano. O crescimento passou a ser gradual ao longo dos anos e, desde 2014, a média de visitação anual vinha sendo superior a 12 milhões de fiéis.

Restrições causadas pela Pandemia do Coronavírus provoca ausência de fiéis e peregrinos

O que causou a grande diminuição da presença de peregrinos foi o surgimento da pandemia de Covid-19.

Para se ter ideia do impacto causado pelo surgimento do coronavírus, o balanço publicado na última quinta-feira, 07/01, indica que de 1º de janeiro a 14 de março de 2020, 1.546.322 devotos passaram pelo Santuário.

A partir de março, quando foi estabelecida a suspensão da participação dos fiéis nas Missas do Santuário como forma de prevenção e enfrentamento da pandemia, os números de visitação caíram:

De 15 de março a 31 de dezembro de 2020, foi registrada a presença de 1.824.805 peregrinos, número próximo à marca alcançada nos dois primeiros meses do ano.

Caiu também a presença de fiéis em datas tradicionais com grande fluxo de devotos

Um outro dado que chamou atenção no balanço fornecido pelo Santuário Nacional foi a queda da presença de público em datas tradicionalmente com grande fluxo de devotos e peregrinos.

Entre essas datas encontra-se o dia da Padroeira, 12 de outubro, que em 2020 registrou a participação de apenas 30 mil fiéis, contrastando com 2019 quando esse número foi de 160 mil.

Conforme informa a direção do Santuário, a movimentação na festividade de 2020 foi a mesma do começo da década de 1970, quando as comemorações de outubro atraíam um número menor de peregrinos.

Também em relação à movimentação anual registrada em 2020, pode-se compará-la aos registros do século passado. Segundo o Santuário, números como este foram alcançados na década de 1960 e no início de 1970.

Medidas restritivas para as celebrações Eucarísticas na pandemia

A partir de 28 de julho de 2020, o público pode acompanhar missas no Santuário Nacional.

Para conter a propagação do vírus, a visita do público segue regras sanitárias restritas e o controle de acesso é rígido: um número máximo de mil pessoas pode participar das celebrações, sendo que a lotação máxima do espaço da Basílica é de 35 mil pessoas.

As missas foram multiplicadas e estão sendo realizadas também em um anexo, o Centro de Eventos Padre Vitor Coelho de Almeida. (JSG)

The post Aparecida: em 2020, pandemia fez cair 75% de peregrinações ao Santuário appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dezesseis + 12 =

- Advertisement -

Ultimas Notícias