17.3 C
São Paulo
sexta-feira, outubro 22, 2021

Cardeal Sarah protesta contra proibição de missas individuais em São Pedro

Peço ao Papa humildemente que ordene a retirada das recentes normas que carecem de justiça e de amor, não correspondem à verdade nem à lei e a liberdade dos filhos de Deus.

Peço ao Papa humildemente que ordene a retirada das recentes normas que carecem de justiça e de amor, não correspondem à verdade nem à lei e a liberdade dos filhos de Deus.

Redação (29/03/2021, 18:30, Gaudium Press) O prefeito emérito da Congregação para o Culto Divino, Cardeal Robert Sarah, uniu sua voz à de outros cardeais que protestaram firmemente contra as normas expedidas pela Secretaria de Estado do Vaticano que proíbem os sacerdotes de celebrar missas individuais nos altares laterais da Basílica de São Pedro, no Vaticano.

Conforme as declarações do Cardeal Sarah, isso constitui um ataque à tradição e à lei da Igreja.

A celebração individual do sacerdote continua a ser obra de Cristo e da Igreja

O purpurado recorda em suas declarações que “a celebração individual do sacerdote continua a ser obra de Cristo e da Igreja”. 

“O Magistério não só não o proíbe, mas também o aprova, e recomenda que os sacerdotes celebrem a Santa Missa todos os dias, porque de cada Missa flui uma grande quantidade de graças para o mundo inteiro”.

Uma concelebração pode ser imposta?

O até há pouco prefeito da Congregação para o Culto Divino adverte que é “um fato singular obrigar os padres a concelebrar. Os padres podem concelebrar se quiserem, mas será que a concelebração pode ser imposta a eles? 
As pessoas poderão dizer: se você não quer concelebrar, vá para outro lugar! 
Mas é este o espírito acolhedor da Igreja que queremos encarnar ”?

Eles não vão ser mais recebidos na Basílica porque não aceitam a imposição da concelebração?

O Cardeal recorda que “Muitos padres vêm a Roma em peregrinação! É muito normal que eles, mesmo que não tenham um grupo de fiéis que os acompanhe, alimentem o desejo saudável e belo de poder celebrar a missa em San Pedro, talvez no altar dedicado a um santo para quem têm especial devoção. 

Há quantos séculos a Basílica acolhe esses padres? ”
Eles não vão ser mais recebidos na Basílica porque não aceitam a imposição da concelebração?

O purpurado pergunta também: “O que farão os sacerdotes que chegam a Roma e não sabem [falar] italiano ? Como conseguirão concelebrar em San Pedro, onde as concelebrações acontecem apenas em italiano?”

O que deve fazer um sacerdote que deseja legitimamente continuar a celebrar a Missa individualmente? 

O Prefeito emérito da Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos aponta para a questão da Missa Tridentina:

“… com base nas novas normas, o que deve fazer um sacerdote que deseja legitimamente continuar a celebrar a Missa individualmente? 
Ele não teria escolha a não ser celebrá-lo da maneira extraordinária, uma vez que está impedido de celebrá-lo individualmente da maneira ordinária.

E o Cardeal destaca que também as disposições de Bento XVI são violadas:

“A decisão sobre a forma extraordinária do rito romano também é única …
… está mesmo especificado que tais celebrações serão realizadas apenas por padres” autorizados “. 
Esta indicação, além de não respeitar as normas contidas no Motu Proprio “Summorum Pontificum” de Bento XVI , é também ambígua: quem deve autorizar esses padres? “

Encerrando suas ponderações o Cardeal Sarah reitera seu pensamento e faz um apelo a Francisco

O cardeal concorda em seu texto com as objeções levantadas pelos cardeais Burke, Müller e Brandüller sobre a mesma questão.

E, ao encerrar suas ponderações  o Cardeal Sarah termina seu artigo sobre as novas normas que regem a celebração das Missas na Basílica de São Pedro em Roma o Purpurado reitera seu pensamento e faz um apelo a Francisco:

“Por todas as razões aqui expostas e por outras, juntamente com um número ilimitado de batizados (muitos dos quais não querem ou não podem exprimir o seu pensamento), peço humildemente ao Santo Padre que ordene a retirada das recentes normas ditadas pelo Secretário de Estado, que carecem de justiça e de amor, não correspondem à verdade nem à lei, e não facilitam, antes põem em perigo o decoro da celebração, a devota participação na Missa e a liberdade dos filhos de Deus”.  (JSG)

(Com informações Infocatólica, foto Arquidiocese de Baltimore)

The post Cardeal Sarah protesta contra proibição de missas individuais em São Pedro appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -
- Advertisement -

Ultimas Notícias