17 C
São Paulo
domingo, setembro 26, 2021

França: Sacerdote assassinado na Vendeia

O ruandês que ateou fogo na Catedral de Nantes há um ano confessou o assassinato.

Redação (09/08/2021 10:44, Gaudium Press) Padre Olivier Maire, superior provincial dos Missionários Montfortinos, foi encontrado sem vida na manhã desta segunda-feira, 9 de agosto, dentro da sua congregação, localizada em Saint-Laurent-sur-Sèvre (Vendée).

Um homem de 40 anos, nascido na Ruanda, se apresentou no meio da manhã (hora local) à polícia de Mortagne-sur-Sèvre, dizendo que havia matado um eclesiástico. Este seria o homem responsável pelo incêndio na Catedral de Nantes, em julho de 2020.

Em um tweet, o senador Bruno Retailleau, ex-presidente do Conselho Geral da Vendeia, prestou homenagem à vítima:

“Quero prestar homenagem ao Padre Olivier Maire, superior dos montfortinos, assassinado por um criminoso que ele hospedou por caridade. Sua morte atesta a bondade deste sacerdote que eu conhecia bem e cuja profundidade de fé eu apreciava. Sua morte é uma grande perda”.

pic.twitter.com/NbH1KogPvR— Bruno Retailleau (@BrunoRetailleau) 9 de agosto de 2021

E depois acrescentou que o homem que se rendeu “era aquele sem documentos que incendiou a catedral de Nantes. Mas o que esse indivíduo ainda estava fazendo na França?”

Gérald Darmanin, ministro do Interior, anunciou no Twitter que iria para lá após este “assassinato dramático”.

“Todo o meu apoio aos católicos do nosso país após o trágico assassinato de um sacerdote na Vendeia. Eu vou para lá”.

O Bispo de Luçon expressou sua “profunda dor e tristeza após o anúncio do assassinato do Padre Olivier Maire”.

Pe. Olivier Maire fazia parte da família montfortina, dedicada à Maria e ao serviço dos pobres, fundada no século XVII, por São Luís-Maria Grignion de Montfort, um ardente missionário apostólico. Ele havia acolhido o criminoso há alguns meses.

The post França: Sacerdote assassinado na Vendeia appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -

1 COMENTÁRIO

- Advertisement -

Ultimas Notícias