22.9 C
São Paulo
quinta-feira, abril 14, 2022

Hindus pedem fim à presença de capelães nas prisões da Índia

Extremistas hindus querem proibir a visita de capelães nas prisões da Índia

Redação (14/04/2022 10:30,Gaudium Press) O Partido radical hindu, Vishwa Hindu Parishad (VHP), e outros grupos radicais querem que a polícia proíba a visita de missionários cristãos nas prisões de Karnataka, no sul do país.

Os hindus não estão de acordo e reclamam que os cristãos distribuem exemplares da Bíblia entre os detentos, além de visitarem assiduamente os centros de detenção.

O pedido deles aconteceu depois que um representante hindu visitou um detento na prisão e encontrou um livro das Sagradas Escrituras.

Os ativistas alegam que os cristãos tentam converter os prisioneiros, o que é proibido no estado indiano, e que não lhes deveria ser permitido distribuir textos religiosos.

Dois pesos e duas medidas

O Arcebispo de Bangalore, Dom Peter Machado, denuncia uma hipocrisia nas acusações: “Se os pregadores hindus são autorizados a visitar os prisioneiros hindus, porque é errado que os pregadores cristãos vejam os prisioneiros cristãos?”

O estado de Karnataka é governado por grupos radicais hindus desde 2014. A animosidade do grupo contra os cristãos não faz senão aumentar.

Os cristãos são acusados, muitas vezes de forma fraudulenta, de promoverem conversões forçadas.

Forçar a conversão de alguém é crime, em Karnataka, que pode ser punido com multa ou encarceramento.

A este propósito, Dom Machado explicou: “se houver evidências de conversões forçadas ou fraudulentas de outros, deixe-os agir de acordo com a lei, com provas de conversão nas mãos”. (FM)

The post Hindus pedem fim à presença de capelães nas prisões da Índia appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -
- Advertisement -

Ultimas Notícias