17.6 C
São Paulo
sexta-feira, agosto 12, 2022

Igreja na Alemanha: diminui o número de católicos

O número de fiéis da Igreja Católica na Alemanha, mais uma vez, caiu significativamente.

Redação (27/06/2022 08:28, Gaudium Press) A Conferência Episcopal Alemã e as 27 dioceses da Igreja Católica na Alemanha publicaram, hoje (27 de junho de 2022), as estatísticas anuais da igreja para o ano passado de 2021. Na Alemanha, os católicos representam 26% da população total (21.645.875 membros). As estatísticas mostram que 359.338 pessoas deixaram a igreja este ano, 137.948 a mais do que no ano anterior (221.390 em 2020), um novo recorde histórico.

Devido à pandemia, a frequência à igreja caiu novamente em 2021 para 4,3% (2020: 5,9%). Por outro lado, o número de pessoas que receberam os sacramentos aumentou significativamente em alguns casos: o número de casamentos na igreja foi 20.140 (2020: 11.018); o número de Batismos, 141.992 (2020: 104.610) e o número de Primeiras Comunhões, 156.574 (2021: 139.752). Os enterros também aumentaram ligeiramente para 240.040 (2020: 236.546). Em 2021, 1.465 pessoas entraram para a Igreja Católica (2020: 1.578), 4.116 pessoas foram readmitidas (2020: 4.358).

Mons. Georg Bätzing

O presidente da Conferência Episcopal Alemã, Bispo Mons. Georg Bätzing, ficou “profundamente abalado” com essas estatísticas:

“Os números de 2021 mostram a profunda crise em que se encontra a Igreja Católica na Alemanha. Não há nada de bom nisso, e estou – apesar do aumento do número de administração de sacramentos – profundamente chocado com o número extremamente alto de pessoas deixando a igreja. E a esses números temos que acrescentar a percepção de que não apenas estão saindo pessoas que tiveram pouco ou nenhum contato com sua paróquia por um longo período de tempo, mas há um feedback crescente de que as pessoas que estão dando esse passo estavam muito envolvidas nas paróquias.

“Os escândalos dentro da igreja e pelos quais somos amplamente responsáveis são refletidos no número de pessoas que saem”, enfatizou o bispo de Limburg, e acrescentou que espera confiante que “o número de fiéis volte a aumentar assim que superarmos completamente a pandemia. Os números de audiência de milhões on-line ainda não foram incluídos em nossas estatísticas. Mesmo que isso não possa substituir as celebrações vivenciadas em conjunto, tais meios continuarão sendo importantes no futuro.”

The post Igreja na Alemanha: diminui o número de católicos appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -
- Advertisement -

Ultimas Notícias