20.4 C
São Paulo
sábado, abril 17, 2021

Igrejas Católicas da Malásia reabrem suas portas

Depois de mais de duas semanas totalmente fechadas pelo governo, as Igrejas da Malásia voltam a ser reabertas.

Depois de mais de duas semanas totalmente fechadas pelo governo, as Igrejas da Malásia voltam a ser reabertas.

Kuching – Malásia (24/02/2021, 11:00, Gaudium Press) As igrejas de Kuching, capital do estado de Sarawak, na Malásia, reabriram suas portas por ocasião da Quaresma.

Dom Simon Poh, Arcebispo de Kuching, informou que, depois de mais de duas semanas de as Igrejas terem sido fechadas totalmente pelo governo malaio por causa da propagação da covid-19, agora foi permitida a reabertura da maioria delas.

Confiamos aos fiéis da arquidiocese, a tarefa de garantir os protocolos de saúde durante as orações, celebrações e ritos fúnebres

As Celebrações Eucarísticas nas paróquias autorizadas foram reiniciadas entre os dias 20 e 21 de fevereiro, por ocasião do Primeiro Domingo da Quaresma.

Dom Simon Poh afirmou, em declarações à “Fides”: “Confiamos aos nossos líderes da Igreja Católica e aos chefes dos Conselhos Pastorais, nas 300 aldeias católicas da arquidiocese, a tarefa de monitorar e garantir o cumprimento dos procedimentos de saúde necessários durante as orações, celebrações e ritos fúnebres”.

Os fiéis foram convidados pelo Arcebispo a consultar os horários de reabertura e cumprir todas as orientações e protocolos de saúde para que as participações nas celebrações litúrgicas possam ser realizadas com a máxima segurança. E o Arcebispo recomendou que sejam aproveitados os canais online para se manter em contato com as Igrejas e incentivou a que seja dado um espaço maior à oração a partir de casa.

“Ofereça seus sacrifícios a Jesus nesta Quaresma. Converta-se e creia no Evangelho”

Dom Simon Poh exortou os fiéis a observar a prática do jejum, da abstinência, da oração e da caridade durante o tempo da Quaresma.

Dom Simon Poh exortou os fiéis a observar a prática do jejum, da abstinência, da oração e da caridade durante o tempo da Quaresma e aconselhou os fiéis:

“Todos nós somos chamados a fazer sacrifícios e fazer todo o possível para conter a Covid. Todos os fiéis são chamados a assumir a responsabilidade cristã, social e moral para diminuir o risco de serem desenvolvidos novos surtos da pandemia”.

Como última recomendação, disse Dom Simon Poh:
“Fique alerta, siga todos os protocolos de segurança. Reze, jejue e dê esmolas. Realize práticas penitenciais. Ofereça seus sacrifícios a Jesus nesta Quaresma. Converta-se e creia no Evangelho”.  (JSG)

(Foto Fides)

The post Igrejas Católicas da Malásia reabrem suas portas appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

17 − sete =

- Advertisement -

Ultimas Notícias