17.3 C
São Paulo
sexta-feira, outubro 22, 2021

O coronavírus: é um vírus “religioso”

O Bispo da Diocese de Santander afirma cerceamento de fiéis ao culto, por causa da pandemia.

Santander– Espanha (29/01/2021, 20:15, Gaudium Press ) Sim! Corre pelas redes sociais, que o Covid_19 é “religioso”. A razão é que grande parte dos internautas se perguntam, o porquê das praias cheias, transportes públicos lotados, bancos com filas intermináveis. Mas é só nas igrejas que o vírus tem maior atuação?

O bispo da Diocese de Santander, Espanha, Dom Manuel Sánchez Monge, lançou um comunicado mostrando sua perplexidade, pelas disposições das autoridades locais, em limitar o número de fiéis à missa ao número de dez pessoas.

Dom Sánchez afirmou que como representante da Comunidade Católica na Cantabria, não lhe parecer “proporcionado e procedente” limitar a dez pessoas a ida dos fiéis ao templo.” Ele explica que há diversidade de tamanhos de igrejas, como de regiões, para normas tão estritas.

Uma atitude injusta e que fere o exercício da liberdade culto

O prelado comentou em entrevista à Revista Ecclesia, a respeito do Comunicado estampado no site da diocese, que a determinação da autoridades é injusta “ porque impede o exercício do direito fundamental da liberdade de culto”(art.16,1 da nossa Constituição)”.

Ele afirmou que uma posição firme do episcopado cantábrico foi enviada ao dirigentes políticos. Os purpurados aproveitaram a oportunidade para recordar que “se reivindica o direito do povo cristão a participar na Eucaristia , é porque estamos convencidos de que a celebração do domingo de Páscoa é uma fonte de amor e de esperança de que a nossa sociedade necessita sobretudo nesta hora”.  (PJS)

 

The post O coronavírus: é um vírus “religioso” appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -
- Advertisement -

Ultimas Notícias