20.6 C
São Paulo
quinta-feira, fevereiro 25, 2021

Restrições da Pandemia destroem Fé de jovens angolanos

O mais urgente compromisso agora é formar grupo de jovens para ir ao encontro dos companheiros que perderam a Fé, diz sacerdote.

O mais urgente compromisso agora é formar grupo de jovens para ir ao encontro dos companheiros que perderam a Fé, diz sacerdote.

Luanda – Angola (22/02/2021, 12:45, Gaudium Press)  “A pandemia do coronavírus está destruindo a fé dos jovens da paróquia. Poucos agora participam da vida da Igreja e dos sacramentos ”.

Esta afirmação foi feita pelo jovem Padre Ulrich Houenahin Kossivi, sacerdote pertencente à “Sociedade para as Missões Africanas” (SMA) que foi ordenado sacerdote em 1º de julho de 2017 e enviado em missão a Angola.

Nosso compromisso atual é: formar jovens, ir ao encontro dos que perderam o caminho da fé, aproximá-los de Jesus

Padre Ulrich nasceu no Benin e é encarregado da Pastoral Juvenil na paróquia de Santa Isabel, que fica no distrito de Kikolo, um grande subúrbio localizado ao norte da capital Luanda. O missionário africano chegou a Angola em outubro de 2019. Ele é também o animador vocacional e chefe da Casa de Formação da SMA, onde reside atualmente.

Em declarações para Agência Fides, Padre Ulrich explicou: “Nosso compromisso mais urgente agora é formar um grupo sólido de jovens dinâmicos, ir ao encontro dos companheiros que perderam o caminho da fé e aproximá-los de Jesus”.

Um ano de formação que começava bem foi destruído com a chegada das restrições que a pandemia trouxe

O sacerdote missionário relatou que o ano preparatório para os estudos na Casa de Formação havia começado bem: eram sete seminaristas, três deles pertencentes ao SMA e quatro que pertencem à diocese de Caxito. Com a chegada da pandemia e as restrições e limitações que ela impôs, foi necessária uma grande mudança na programação.

Por isso mesmo, diz o religioso Padre Ulrich, encarregado da Pastoral Juvenil, “As experiências pastorais –um importante elemento de formação– têm sido limitadas. Só de vez em quando os meninos puderam acompanhar seus pais nas visitas aos enfermos e na participação e animação das Santas Missas que os jovens da paróquia realizavam.

No dia 18 de outubro de 2020 as atividades do Seminário foram suspensas e desde então, disse Padre Ulrich, ajudo a paróquia da Sagrada Família junto com o pároco, Padre Ângelo Besenzoni, que também pertence ao SMA ”.

Jovens angolanos perderam a Fé e afirmam sem rodeios: “já não há esperança de um amanhã melhor”

O missionário que atua em Angola descreve também a situação do país:

“Olhando para os últimos três anos, posso dizer com segurança que foram anos de graça e crescimento”, contudo, olhando para a situação criada desde o surgimento da pandemia do coronavírus, percebe-se com facilidade:
“A fome invadiu muitas casas, e a frustração se manifesta nas ruas com desfiles e protestos, especialmente entre os jovens.
Muitos angolanos afirmam sem rodeios que já não há esperança de um amanhã melhor”. Muitos dizem com tristeza que as coisas estão indo de mal a pior. ” (JSG)

 

(Foto SMA)

The post Restrições da Pandemia destroem Fé de jovens angolanos appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

um × 2 =

- Advertisement -

Ultimas Notícias