22 C
São Paulo
sexta-feira, julho 23, 2021

Bielorrússia: Cardeal Bagnasco pede por Arcebispo impedido de regressar ao país

Presidente e Bispos do CCEE asseguram suas orações por Dom Tadeusz e esperam um retorno imediato do Arcebispo a seu ministério episcopal na Bielorrússia.

 Presidente e Bispos do CCEE asseguram suas orações por Dom Tadeusz e esperam um retorno imediato do Arcebispo a seu ministério episcopal na Bielorrússia.
Saint Gallen – Suíça (04/09/2020, 12:45 – Gaudium Press) O Cardeal Ângelo Bagnasco, presidente do Conselho das Conferências Episcopais da Europa (CCEE), pronunciou-se contra a violência e apelou para que fosse promovido um diálogo na Bielorrússia e que o arcebispo de Minsk, impedido de voltar ao país, pudesse regressar, o quanto antes, em paz, para sua pátria.

Presidente e Bispos do CCEE asseguram suas orações por Dom Tadeusz e esperam um retorno imediato do Arcebispo a seu ministério episcopal na Bielorrússia.

Dom Tadeusz está proibido de voltar à Bielorrússia, recorda Cardeal Angelo Bagnosco

O apelo do Cardeal Bognasco para que seja permitido o seguro retorno de Dom Tadeusz Kondrusiewicz para sua sede episcopal prende-se ao fato de o Arcebispo de Minsk e presidente da Conferência dos bispos católicos da Bielorrússia tenha ido à Polônia afim de participar das celebrações de Nossa Senhora de Częstochowa e ao regressar à Bielorrússia foi impedido de cruzar a fronteira e entrar no país.

No comunicado da CCEE pode-se ler que “Enquanto (os Bispos) asseguram suas orações pelo amado pastor e por toda a comunidade bielorrussa, (eles ) esperam um retorno imediato para o arcebispo de Minsk e um regresso ao seu ministério episcopal”.

Cardeal Ângelo Bagnasco recorda proximidade do Papa com a Bielorrússia

Um comunicado do Conselho das Conferências Episcopais da Europa distribuído à imprensa recorda o apelo do Papa Francisco ao diálogo, à rejeição da violência e ao respeito pela justiça e pela lei”, manifestando ainda sua proximidade com a Igreja da Bielorrússia.

Presidente e Bispos do CCEE asseguram suas orações por Dom Tadeusz e esperam um retorno imediato do Arcebispo a seu ministério episcopal na Bielorrússia.

A Bielorrússia e a oposição e contestação ao governo de Lukashenko

A Bielorrússia vive tempos de contestação após as eleições no dia 9 de agosto que deram um sexto mandato a Alexander Lukashenko, no poder desde 1994, com uma vitória de 80%, num ato eleitoral considerado fraudulento.

Como presidente do Conselho das Conferências Episcopais da Europa, o Cardeal Angelo Bagnasco destaca ainda o desejo dos bispos da Europa para que advenha uma “resolução pacífica” para a atual situação na Bielorrússia, crendo na “confiança, no caminho do diálogo para o bem do homem e da sociedade em geral”. (JSG)

 

 

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Ultimas Notícias