18.6 C
São Paulo
quinta-feira, abril 14, 2022

Bispos da Costa do Marfim se reúnem para propor uma catequese mais eficiente

Os Bispos da Costa do Marfim se reuniram na última semana para abordar mudanças estratégicas no ensino da catequese e para preparar uma carta pastoral destinada a encorajar uma educação de qualidade no país

Projeto de Lei cria o “crime de posse de material inflamatório” que pode incluir nessa categoria a Bíblia e o Catecismo da Igreja Católica.

Redação (01/02/2022 12:35, Gaudium Press) Durante os dias 25 ao 30 de janeiro, a Conferência dos Bispos Católicos da Costa do Marfim se reuniu pela 120ª vez. Os Epíscopos estiveram juntos para abordar o tema sobre a instrução do catecismo no país.

Há cinco anos, uma carta pastoral lamentava o baixo nível de instrução catequética no país e exortava os catequistas a repensar novas propostas de ensino.

Longo trabalho para propor mudanças no ensino da catequese

Ao longo desses anos, o secretariado nacional da catequese promoveu reuniões com os catequistas para recolher dados sobre as reais necessidades dos alunos e atualizar os manuais de instrução católica.

Com efeito, os bispos se reuniram, na última semana, para finalizar o projeto de atualização do catecismo. Antes da assembleia, o secretário geral da Conferência dos Bispos, Pe. Emmanuel Wohi Nin, se exprimiu sobre a importância do projeto: “Eles (os Bispos) reveem o relatório porque a catequese é a espinha dorsal da vida de uma paróquia”.

O secretário também recordou que era necessário insistir sobre um aprendizado de qualidade sobre a fé para assim aumentar a adesão dos batizados.

A leitura da nova carta pastoral “A educação na Costa do Marfim ao serviço do desenvolvimento humano integral” foi outro grande tema abordado pelos Bispos.

Carta exortando a educação nacional

A versão final da carta pastoral ainda está sendo elaborada, mas durante a Missa de  encerramento da reunião episcopal, 30 de janeiro, os Bispos dirigiram uma mensagem encorajando o esforço que é feito para melhorar a educação no país africano.

Os Bispos ressaltaram a importância de que as escolas sejam cercadas por uma vizinhança calma e que favoreça o ensino. A mensagem menciona a importância de que todos os cidadãos se sintam engajados no auxílio à educação, pois isso contribuirá para o desenvolvimento do país.

Também os pais foram especialmente solicitados a não deixarem a educação dos filhos única e exclusivamente nas mãos dos professores.

Outros temas foram igualmente abordados durante a 120ª Assembleia dos Bispos: os seminários, a pastoral das vocações e a implementação da nova tradução francesa do Missal, são alguns exemplos. (FM)

The post Bispos da Costa do Marfim se reúnem para propor uma catequese mais eficiente appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -
- Advertisement -

Ultimas Notícias