17.5 C
São Paulo
terça-feira, outubro 26, 2021

Cuba: cresce participação e compromisso dos leigos na missão da Igreja

Diocese de Cienfuegos, em Cuba, instituiu 117 Ministros da Palavra e 93 Ministros Extraordinários da Comunhão.

Diocese de Cienfuegos, em Cuba, instituiu 117 Ministros da Palavra e 93 Ministros Extraordinários da Comunhão.

Cienfuegos – Cuba (21/11/2020, 12:15, Gaudium Press) Durante o último mês de outubro e início deste mês de novembro, Dom Domingo Oropesa Lorente, da Diocese de Cienfuegos, em Cuba, instituiu, em várias paróquias da Diocese, 117 Ministros da Palavra e 93 Ministros Extraordinários da Comunhão.

De acordo com informações fornecidas pela Conferência Episcopal de Cuba (CEC), a concessão dos ministérios foi feita nas cidades de Paraíso, Cruces, Lajas, Aguada, Rodas, Abreu, Cumanayagua e Ariza.

A diocese de Cienfuegos, sufragânea de Camagüey, tem uma população de 495.900 habitantes, dos quais 299.400 são católicos que estão distribuídos em 22 paróquias.
Existem 7 sacerdotes diocesanos, 10 sacerdotes religiosos, 14 religiosos não sacerdotes e 23 religiosas.

Diocese de Cienfuegos, em Cuba, instituiu 117 Ministros da Palavra e 93 Ministros Extraordinários da Comunhão.

Formação dos Ministros da Palavra

Segundo a nota da CEC, os candidatos a Ministros da Palavra foram formados em um curso que trazia em seu conteúdo passagens significativas da Constituição dogmática do Concílio Vaticano II “Dei Verbum” sobre a Revelação Divina.
Foi destacado no curso o valor da Palavra de Deus como uma revelação do próprio Deus e Seu plano de salvação.

Os candidatos estudaram todo o processo de revelação de Deus, desde a criação até a manifestação em Cristo. Os encontros de formação evidenciaram também a presença de Cristo no anúncio da Palavra, que fala pessoalmente através do leitor, ao próprio leitor e a todos os presentes nas leituras da celebração eucarística.

Formação dos Ministros Extraordinários da Comunhão

A formação dos Ministros Extraordinários da Comunhão baseou-se no Catecismo da Igreja Católica (n. 1374), no comentário de alguns versículos do Capítulo VI do Evangelho de Santa Igreja.

Nos cursos, os formadores dos novos Ministros ofereceram algumas considerações de como cultivar a fé no poder salvador de Cristo na comunhão, orar por aqueles que recebem a comunhão e por aqueles que não o fazem e oferecer a comunhão em um ambiente espiritual e com sacralidade. (JSG)

(Da Redação Gaudium Press, com informações Fides)

The post Cuba: cresce participação e compromisso dos leigos na missão da Igreja appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -
- Advertisement -

Ultimas Notícias