InícioNotícias da IgrejaEste é o texto mais antigo sobre as aparições de Nossa Senhora...

Este é o texto mais antigo sobre as aparições de Nossa Senhora de Guadalupe

Published on

Neste documento é descrito da maneira mais bela, mais plena e melhor alcançada, este maravilhoso encontro entre Deus e o ser humano por meio de sua própria Mãe.

Este e o texto mais antigo sobre as aparicoes de Nossa Senhora de Guadalupe

Foto: Divulgação/Instituto Superior de Estudios Guadalupanos.

México – Cidade do México (21/09/2023 16:28, Gaudium Press) O texto mais antigo sobre as aparições de Nossa Senhora de Guadalupe é chamado de ‘Nican Mopohua’, que significa ‘Aqui se narra’. O documento foi escrito no idioma ‘náhuatal noble’, com caracteres latinos, segundo se lê na fonética do idioma indígena.

“Neste documento é descrito da maneira mais bela, mais plena e melhor alcançada, este maravilhoso encontro entre Deus e o ser humano por meio de sua própria Mãe, Santa Maria de Guadalupe”, afirmou Dom Eduardo Chávez Sánchez, Postulador da causa de Canonização de São Juan Diego e Diretor-Geral do Instituto Superior de Estudos Guadalupanos (ISEG).

Nossa Senhora de Guadalupe 4

Texto foi escrito entre os anos 1545 e 1548

A autoria do texto é atribuída a Antonio Valeriano, um indígena sábio e nobre, que foi educado no Colégio da Santa Cruz de Tlatelolco, fundado no ano 1536 pelos franciscanos, sendo ali um de seus mais brilhantes alunos. Era bom escritor, tanto assim que ajudava Frei Bernardino de Sahagún a escrever seus sermões em ‘náhuatal’. Acredita-se que o ‘Nican Mopohua’, foi escrito por Valeriano entre os anos 1545 e 1548.

Apesar da importância do texto, muitos poucos indígenas puderam lê-lo, devido ao fato de ter sido escrito com caracteres latinos, que somente alguns indígenas podiam ler. “Também eram pouquíssimos os espanhóis que entendiam este idioma; portanto foram pouquíssimos indígenas e espanhóis que podiam ler e entender o ‘Nican Mopohua’”, explica Monsenhor Chávez.

DonAntonioValeriano 1

Acesso restrito ao documento

Poucas pessoas tiveram acesso a ele, já que era um manuscrito, e somente se escreveram algumas cópias do mesmo, razão pela qual não foi a fonte pela qual chegou a muitos o maravilhoso acontecimento da Guadalupana.

“O ‘Nican Mopohua’, apesar de ser o documento mais exato, pleno, belo, evangelizador e histórico; não é a fonte pela qual, de maneira massiva, os indígenas e os espanhóis conheceram os pormenores do impressionante acontecimento. As fontes principais são três: uma é a tradição oral, cuja fonte é o mesmo São João Diego, que não se cansava de divulgá-lo a viva voz”, expõem o especialista no fenômeno guadalupano.

A própria imagem plasmada no manto de São João Diego, que se venera na Basílica de Nossa Senhora de Guadalupe, é a outra fonte pela qual o acontecimento de Nossa Senhora de Guadalupe se deu a conhecer, segundo diz Monsenhor Chávez.

Luis Lasso de la Vega Nican Mopohua Hvei tlamahvcoltica amonexiti in ilhvicac tlatoca cihvapilli Santa Maria Totlaconantizn 1649

Publicação do manuscrito ‘Nican Mopohua’

Uma década depois de ter-se dado o manuscrito ‘Nican Mopohua’, o Padre Luis Lasso de la Vega o publica em ‘náhuatl’. Era o ano 1649. O presbítero é autor do ‘Huei tlamahuicoltica’, que relata o “grande acontecimento” de Nossa Senhora de Guadalupe, obra de 36 páginas quase toda em ‘náhuatl’.

A cópia mais antiga do ‘Nican Mopohua’ se encontra na Biblioteca Pública de Nova York. Protagonistas do relato feito por Antonio Valeriano são a Santíssima Virgem, São Juan Diego, o Bispo Frei Juan de Zumárraga, o tio de São Juan Diego, os criados do Bispo, e a cidade que reconhece o fato sobrenatural. (EPC)

The post Este é o texto mais antigo sobre as aparições de Nossa Senhora de Guadalupe appeared first on Gaudium Press.

Últimas Notícias

Ucrânia: 3 sacerdotes e 2 diáconos ordenados no Seminário Redemptoris Mater

A cerimônia de ordenação teve lugar na Catedral da Exaltação da Santa Cruz em...

Relíquia de São Benno de Meissen é restituída à Catedral de Dresden

Depois de 500 anos, uma relíquia de São Benno de Meissen retorna a sua...

Quarta-feira da 11ª semana do Tempo Comum

(verde – ofício do dia) Escutai, Senhor, a voz do meu apelo. Sede meu amparo;...

São Romualdo, abade

O abade Romualdo, pai dos monges camaldulenses, desde muito jovem mostrou forte inclinação à...

Audio-Book

148. I. Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório (AUDIOBOOK)

https://www.youtube.com/watch?v=8gGGSaTK2ic Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório — Bispo e Doutor da Igreja Quarta Dor...

147. II. Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório (AUDIOBOOK)

https://www.youtube.com/watch?v=63iCH0qZxGY Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório — Bispo e Doutor da Igreja Jesus é...

146. I. Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório (AUDIOBOOK)

https://www.youtube.com/watch?v=4b50saBVvfY Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório — Bispo e Doutor da Igreja Jesus é...