Neste tempo sagrado da Ressurreição, não há figura que melhor represente o que é amar tanto a Cristo, a ponto de chorar por Ele de saudade e não se deixar consolar nem mesmo pelos anjos, do que Santa Maria Madalena. Dela são os sentimentos que Santa Teresa versou, ao escrever: “Morro porque não morro”, e São Paulo explicou em suas cartas: “Para mim, o viver é Cristo e o morrer é lucro”. Assista à homilia do Padre Paulo Ricardo para esta terça-feira, dia 23 de abril, e que Deus nos toque também a nós com as flechas do seu santo amor, para que o busquemos com tal ardor nesta vida, que mereçamos ser recebidos por Ele nas mansões eternas, onde finalmente o contemplaremos a rosto descoberto.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here