Os padres católicos têm na Igreja um poder que pastor protestante algum tem em sua comunidade, e esse poder remonta a ninguém menos que o próprio Jesus Cristo, o qual disse aos setenta e dois discípulos do Evangelho: “Eu vos dei o poder”. “Contudo”, ajunta o Mestre, prevenindo os sacerdotes contra o pecado da soberba, “não vos alegreis porque os espíritos vos obedecem. Antes, ficai alegres porque vossos nomes estão escritos no céu”. É sobre esse duplo aspecto do sacerdócio cristão que Padre Paulo Ricardo medita em mais esta homilia dominical.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here