19.6 C
São Paulo
sábado, abril 16, 2022

Faleceu Cardeal Agostino Cacciavillan, aos 95 anos de idade

Faleceu o Cardeal italiano Agostino Cacciavillan, presidente emérito da Administração do Patrimônio da Sé Apostólica (APSA), aos 95 anos de idade

Foto: press.vatican.va

Redação (05/03/2022 07:35, Gaudium Press) Faleceu na madrugada deste 05 de março, o Cardeal Agostino Cacciavillan aos 95 anos de idade, em sua residência no Vaticano.

Nascido em 14 de agosto de 1926 em Novale di Valdagno, na Itália, o Cardeal era presidente emérito da Administração do Patrimônio da Sé Apostólica (APSA) e trabalhou em várias nunciaturas ao redor do mundo.

Dom Cacciavillan foi ordenado sacerdote em 1949 e foi a Roma em 1952 para fazer seus estudos.

Estudou ciências sociais na universidade Pontifícia Gregoriana, direito na Universidade do Estado e direito canônico na Universidade Pontifícia de Latrão.

A lado de sua paixão pelos estudos, seu zelo pastoral era também marcante junto aos estudantes e diplomados católicos da cidade.

Por dois anos trabalhou na Secretaria de Estado do Vaticano (1957-1959) antes de ser enviado como secretário da nunciatura Apostólica nas Filipinas.

Posteriormente também foi secretário da nunciatura de Madri, na Espanha, e de Lisboa, Portugal.

Em janeiro de 1976, foi nomeado Arcebispo titular de Amiterno, Pró Núncio apostólico do Quênia e delegado apostólico junto à República das Seicheles.

Recebeu a ordenação episcopal no dia 28 de fevereiro do mesmo ano pelas mãos do Cardeal Jean Villot, secretário de Estado do Vaticano.

Dom Cacciavillan permaneceu no Quênia de 1976 até 1981. Nesta época também era observador permanente da Santa Sé junto à ONU.

Em maio de 1981, foi nomeado Pró Núncio apostólica da Índia, mais tarde, em 1985, como núncio no Nepal e em 1990, assumiu a mesma função nos Estados Unidos.

Como núncio apostólicos dos Estados Unidos assumiu também a responsabilidade de observador permanente da Santa Sé junto à Organização dos Estados Americanos (OEA) e representante do Vaticano igualmente junto à Associação Mundial de Juristas.

Em 1998, foi nomeado pelo Papa como Presidente da Administração do Patrimônio da Sé Apostólica.

Em 2002, tornou-se presidente emérito da APSA. João Paulo II elevou-o à condição de Cardeal no Consistório do dia 21 de fevereiro de 2001.

Com sua morte o Colégio Cardinalício fica composto por 212 Cardeais, dos quais 119 são eleitores e 93 não-eleitores. (FM)

The post Faleceu Cardeal Agostino Cacciavillan, aos 95 anos de idade appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -
- Advertisement -

Ultimas Notícias