Os Bispos franceses pedem a fiéis que se manifestem contra a “Lei de Bioética”

Must Read

Papa celebrará missa pelos fiéis defuntos em cemitério Teutônico

A celebração será realizada de forma totalmente privada, ou seja, sem a participação dos fiéis. Em seguida, o Pontífice...

Vírus Católico, República Universal e Autoridade Verdadeira

Os santos dão o exemplo de como atravessar os períodos conturbados da História, especialmente quando tudo parece ir à...

Papa Francisco em 2 de novembro no Campo Santo Teutônico

As medidas de segurança ditadas pela pandemia marcam também as próximas celebrações presididas pelo Papa Francisco. Na segunda-feira 2...


Bispos franceses convidam católicos a se informar sobre a “Lei de Bioética”, denunciar seus erros, manifestar sua oposição a ela: “Nossa sociedade não deve ser arrastada sub-repticiamente por um caminho perigoso para o futuro da humanidade”.

Bispos franceses convidam católicos a se informar sobre a “Lei de Bioética”,  denunciar seus erros, manifestar sua oposição a ela: “Nossa sociedade não deve ser arrastada sub-repticiamente por um caminho perigoso para o futuro da humanidade". Paris – França (09/10/2020, 11:15, Gaudium Press) A Conferência Episcopal Francesa divulgou uma mensagem na qual pede aos católicos que se unam aos protestos contra um projeto de lei de bioética apoiado pelo governo francês que liberalizaria o aborto, a pesquisa com embriões, os denominados “irmãos salvadores”, além da fertilização in vitro para lésbicas.

A Mensagem dos Bispos surge na véspera de atos contrários à “Lei de Bioética”

A mensagem foi divulgada antes desse fim de semana quando estão programadas manifestações em todo o país contra o projeto denominado “Lei da Bioética”, que tem previsão de ser votado ainda nesse outono europeu.

Bispos franceses convidam católicos a se informar sobre a “Lei de Bioética”,  denunciar seus erros, manifestar sua oposição a ela: “Nossa sociedade não deve ser arrastada sub-repticiamente por um caminho perigoso para o futuro da humanidade".

Nossa sociedade não deve ser arrastada sub-repticiamente por um caminho perigoso para o futuro da humanidade

Os prelados franceses afirmam em se comunicado que “Cresce a pressão sobre a Assembleia Nacional para ampliar ainda mais as condições do aborto a pretexto dos direitos e da igualdade das mulheres e para reduzir a filiação a um simples ato da vontade daqueles que querem ser pais: um filho não é mais recebido, mas é buscado, produzido e eleito”, diz o comunicado dos religiosos.

É por isso, afirma o Conselho Permanente da CEF, formado por 10 bispos, que “Convidamos todos os cidadãos, especialmente os católicos, a se informarem sobre estes assuntos e a fazerem conhecer as suas reservas e oposições. Nossa sociedade não deve ser arrastada sub-repticiamente por um caminho perigoso para o futuro da humanidade”.

Além do aborto, a Lei favorecerá a fertilização in vitro, “maternidade compartilhada” e os “irmãos salvadores”

O projeto de lei, aprovado em uma primeira fase em outubro de 2019, permitiria a realização de abortos em mulheres que enfrentassem “transtornos psicossociais” e autorizaria “irmãos salvadores”, ou seja, embriões criados para o tratamento de crianças mais velhas com a utilização de células-tronco.
Além de ampliar os direitos de fertilização in vitro, o projeto de lei permite também a “maternidade compartilhada”, quando um óvulo de uma mulher é colocado no útero de outra.

Uma sociedade pode ser fraterna quando organiza o nascimento de filhos que não terão pai?

Para os Bispos, esse projeto de lei deve ser analisado à luz da nova encíclica do Papa, que eles afirmam estimular o mundo a “não se limitar a um horizonte, a mecanismos políticos e econômicos, mas escolher a fraternidade”.

Os Bispos franceses que já de longa data expressam sua preocupação com este Projeto de Lei levantam algumas perguntas, antes de encerrar seu manifesto:
“Pode uma sociedade ser fraterna quando não há nada melhor a oferecer às mães enlutadas do que a eliminação de seus filhos? Uma sociedade pode ser fraterna quando organiza o nascimento de filhos que não terão pai? “

” Pode uma sociedade ser fraterna quando se recusa a reconhecer os papéis de mãe e pai e não reconhece mais que o lugar legítimo para conceber um ser humano é a união corporal de um homem e uma mulher?” (JSG)

The post Os Bispos franceses pedem a fiéis que se manifestem contra a “Lei de Bioética” appeared first on Gaudium Press.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

2 − 1 =

Latest News

Papa celebrará missa pelos fiéis defuntos em cemitério Teutônico

A celebração será realizada de forma totalmente privada, ou seja, sem a participação dos fiéis. Em seguida, o Pontífice...

Vírus Católico, República Universal e Autoridade Verdadeira

Os santos dão o exemplo de como atravessar os períodos conturbados da História, especialmente quando tudo parece ir à deriva. Redação (29/10/2020 08:38, Gaudium Press)...

Papa Francisco em 2 de novembro no Campo Santo Teutônico

As medidas de segurança ditadas pela pandemia marcam também as próximas celebrações presididas pelo Papa Francisco. Na segunda-feira 2 de novembro, dia em que...

30ª Semana do Tempo Comum – Quinta-feira

Primeira Leitura: Efésios 6,10-20 Leitura da carta de São Paulo aos Efésios – Para terminar, irmãos, confortai-vos no Senhor e, no domínio de sua força, revesti-vos...

Justiça proíbe ONG abortista de usar “católicas” no nome

A proibição é da Justiça de São Paulo que considerou o nome “Católicas pelo Direito de Decidir” incompatível com os valores e princípios da...

More Articles Like This

Clique aqui para receber todas as noticias!
Dismiss
Allow