InícioNotícias da IgrejaPapa se preocupa com situação de sacerdotes presos na Nicarágua e pede...

Papa se preocupa com situação de sacerdotes presos na Nicarágua e pede orações

Published on

No primeiro Angelus de 2024, o Papa Francisco expressou sua preocupação com a situação na Nicarágua, onde bispos e sacerdotes têm sido presos

Prisao prisioneiro

Redação (01/01/2023 15:00, Gaudium Press) No primeiro Angelus de 2024, o Papa Francisco expressou sua preocupação com a situação na Nicarágua, onde bispos e sacerdotes têm sido presos: “Acompanho com profunda preocupação o que está a acontecer na Nicarágua, onde Bispos e sacerdotes foram privados da sua liberdade”, disse Francisco.

O Santo Padre dirigiu suas palavras aos fiéis presentes na Praça São Pedro no Vaticano, explicando sua proximidade com as famílias e fiéis que enfrentam a dor da separação, ao mesmo tempo que exortou que todos se unam em oração pela Nicarágua:

“Expresso-lhes, às suas famílias e a toda a Igreja no país a minha proximidade na oração. Convido também todos vós aqui presentes e todo o Povo de Deus à oração insistente, enquanto desejo que procuremos sempre o caminho do diálogo para superar as dificuldades. Rezemos pela Nicarágua hoje”, disse ele.

As hostilidades e a perseguição do regime de Daniel Ortega contra a Igreja Católica datam de 2018, quando manifestações ocorreram em todo o país contra o autoritarismo do governo e a violação dos direitos humanos na Nicarágua. Desde então, o presidente nicaraguense viu a Igreja Católica e todos os seus membros, bispos e sacerdotes, como inimigos.

A expulsão de representantes da Santa Sé e de ordens religiosas inteiras, a deportação de sacerdotes críticos contra o regime, a confiscação de bens e imóveis de ordens religiosas, são apenas algumas das ações movidas contra a Igreja. Mais recentemente, o governo nicaraguense adotou a prática de detenções arbitrárias. No mês de dezembro foram 14 os sacerdotes detidos, bem como um bispo e dois seminaristas.

As prisões dos sacerdotes parecem ter um ponto em comum: todos os clérigos detidos rezaram ou pediram orações para Dom Rolando Álvarez, Bispo de Matagalpa e prisioneiro político condenado a 26 anos de prisão após um julgamento duvidoso.

O Bispo da diocese de Siuna, Dom Carmen Mora Ortega, foi detido junto com dois seminaristas, depois de uma cerimônia de confirmação na qual ele rezou publicamente pelo Bispo de Matagalpa.

Duro crítico do regime sandinista, Dom Rolando Álvarez foi condenado em fevereiro de 2023 por conspiração contra a nação e por disseminar notícias falsas.

Na Missa do dia 31 de dezembro, o Arcebispo de Manágua, o Cardeal Leopoldo José Brenes Solórzano, expressou sua proximidade com as famílias e paroquianos que se veem privados de seus pastores. E incentivou a todos a permanecerem unidos: “A unidade de Igreja é nossa força”. (FM)

The post Papa se preocupa com situação de sacerdotes presos na Nicarágua e pede orações appeared first on Gaudium Press.

Últimas Notícias

Médico argentino condenado por não realizar um aborto retorna à prática

Dr. Leandro Rodríguez agora pode exercer sua profissão de médico. Isso não se deve...

Israel: Basílica de Todas as Nações celebra seu centenário

O apelido de ‘Igreja de Todas as Nações’ surgiu pois ela foi construída com...

Fruta verde não agrada o paladar

O homem maduro é aquele capaz de, com sua inteligência, vontade e sensibilidade, produzir...

Dever de pastor e dever de ovelha

Ninguém escapa à regra. Sendo pastor ou ovelha, qual a nossa obrigação? Redação (21/04/2024 11:57,...

Audio-Book

148. I. Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório (AUDIOBOOK)

https://www.youtube.com/watch?v=8gGGSaTK2ic Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório — Bispo e Doutor da Igreja Quarta Dor...

147. II. Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório (AUDIOBOOK)

https://www.youtube.com/watch?v=63iCH0qZxGY Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório — Bispo e Doutor da Igreja Jesus é...

146. I. Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório (AUDIOBOOK)

https://www.youtube.com/watch?v=4b50saBVvfY Meditações de Santo Afonso Maria de Ligório — Bispo e Doutor da Igreja Jesus é...