Por Fernando Nascimento

Mais uma vez, um sectário protestante, se passa a criminosamente vilipendiar a fé católica dirigindo insultos à Padroeira deste país, Nossa Senhora Aparecida.

Dessa vez, é o odioso pastor Agenor Duque, que fazendo uso de uma garrafa de refrigerante Coca-cola como se fosse uma imagem de Aparecida,  proferia seus insultos previstos como Crime Contra o Sentimento Religioso.

Seu castigo não tardou e veio ao vivo, bem na hora em que ele proferia os blasfemos insultos, pois a garrafa de Coca-cola que manipulava insinuando ser Nossa Senhora Aparecida, cortou-lhe severamente o dedo da mão que segurava o microfone.

O pastor sangrou até o final do vídeo enquanto sofismava insultando a mãe de Jesus.

Seu insulto é vã, pois quem não é páreo para uma garrafa de Coca-cola, passa longe de atingir aquela que será proclamada “Bem-aventurada por todas as gerações”. (Lucas 1,48)

4 COMENTÁRIOS

  1. Ridículo, se eu te chamar de cavalo estaria ofendendo os cavalos animal, vc é pior, como pode pregar o evangelho ,zombando as outras crenças,como pode amar sua mãe e esposa se não ama a própria mãe do seu Senhor,digno de pena,aff

Comments are closed.