Seminário fechado na Argentina: Mães de seminaristas apelam ao Papa

Must Read

Missionários Saletinos no Brasil realizam 27º Capítulo Provincial

Durante o encontro, os religiosos saletinos escolherão o novo Conselho Provincial para o triênio de 2021 a 2023. Paraná –...

Violência anticatólica no Chile: Bispos Argentinos da Patagônia se unem em oração

Unimos a Vós, queremos estar perto de Vós em profunda comunhão de oração, nestes momentos de tristeza e angústia. São...

Polônia comemorou 36º aniversário do martírio do beato Jerzy Popiełuszko

Em 19 de outubro de 1984, poucas horas após celebrar sua última missa, o Padre Popiełuszko foi sequestrado e...


Na festa de Santa Mônica, uma reivindicação das mães dos seminaristas. Elas não querem que o seminário seja fechado e desejam que seus filhos lá continuem seus estudos.

Na festa de Santa Mônica, uma reivindicação das mães dos seminaristas. Elas não querem que o seminário seja fechado e desejam que seus filhos lá continuem seus estudos.

São Rafael – Argentina (31/08/2020, 17:00 – Gaudium Press ) “Ousamos incomodá-lo, porque é o nosso pastor, a quem o próprio Jesus confiou a delicada tarefa de cuidar das suas ovelhas”. Assim começa a carta enviada ao Papa Francisco pelas mães dos seminaristas do Seminário São Rafael, na Argentina.

Quais as razões do fechamento?

No final de julho foi anunciado que o seminário da Diocese de São Rafael, na Argentina, seria fechado. Evidentemente, a notícia comoveu todos os fiéis diocesanos.
As razões da decisão de fechar o seminário ainda não estão claras, muito embora tudo pareça indicar que a intenção de respeitar o direito à comunhão na boca de grande parte do clero e dos próprios formadores do seminário, contra as ordens do bispo, tenha sido a gota que provocou o transbordamento de tudo.

O Seminário Santa Maria Mãe de Deus de São Rafael é conhecido por ser considerado um dos mais conservadores em toda a Argentina. E esse fato não agrada a atual hierarquia da Igreja.

Comunicado afirma que Bispo, “seguindo instruções precisas da Santa Sé”, tomou a decisão

No final de julho passado, o bispo da diocese argentina de San Rafael, Eduardo Taussig, anunciou em comunicado a mudança do reitor do Seminário Diocesano e seu fechamento no final deste ano.
O comunicado informa ainda que “seguindo instruções precisas da Santa Sé, tomou a decisão de encerrar o seminário no final deste ano, uma vez que o ano letivo de estudos deste semestre tenha terminado.”

Decisão drástica contra um seminário fecundo em vocações

Qual seria a causa de uma decisão tão drástica, em um dos seminários mais fecundos da Argentina, em meio a uma brutal seca vocacional?
Após o retorno das missas públicas, suspensas por causa do coronavírus, Dom Taussig, juntamente com o Arcebispo de Mendoza, Marcelo Colombo, aprovaram que, como medida de precaução, a comunhão fosse administrada apenas na mão.

Essa decisão gerou grande polêmica na comunidade católica argentina, que exigia o que o direito eclesiástico estabelece, a liberdade de recebê-la na boca. O bispo insistiu, alguns seminaristas se recusaram a receber a comunhão na boca.

Muitos comentaristas católicos intervieram no debate que se seguiu, desde o bispo emérito de La Plata, Héctor Aguer, ao arcebispo Carlos María Viganò, ambos defendendo a decisão dos seminaristas e lamentando a pressa do bispo.

Na festa de Santa Mônica, uma reivindicação das mães dos seminaristas. Elas não querem que o seminário seja fechado e desejam que seus filhos lá continuem seus estudos.

Na festa de Santa Mônica: reivindicação das mães dos seminaristas

As mães dos seminaristas, porém, queriam reivindicar que fosse continuado o trabalho de formação que seus filhos recebem no seminário agora fechado. E agora elas se uniram e escreveram uma carta aberta dirigida ao Papa Francisco pedindo sua intervenção: Elas não querem que o seminário seja fechado e desejam que seus filhos lá continuem seus estudos.

A carta foi enviada à nunciatura da Santa Sé na Argentina e, de lá, por mala diplomática, deve ser entregue ao Papa.

Trechos da carta escrita no dia de Santa Mônica, Mãe de Santo Agostinho

“Papa Francisco,
Bispo de Roma e Vigário de Jesus Cristo

27 de agosto de 2020, Santa Monica

“Ousamos incomodá-lo, porque é o nosso Pastor, a quem o próprio Jesus confiou a delicada tarefa de cuidar das suas ovelhas. Somos mães dos seminaristas do Seminário Santa Maria Mãe de Deus de San Rafael, Mendoza, Argentina. É importante destacar que a iniciativa desta carta é absolutamente nossa, vem do coração de nossas mães, mesmo sem eles saberem.”

“Santidade, é difícil descrever e exprimir os sentimentos de profunda tristeza e desolação que nos dominam desde que recebemos a triste notícia do encerramento do Seminário. ”

Profundo espírito de piedade, sã alegria, amizade e amor naquela comunidade

“Nas nossas visitas mensais pudemos partilhar com eles e com os seus formadores, bem como com as outras famílias, o profundo espírito de piedade, sã alegria, amizade e amor que revela o coração daquela comunidade.
Nossa intuição de mães certamente não falha quando dizemos que respiramos paz em nossos filhos e percebemos a total convicção do caminho que estão percorrendo.

Nesse ambiente vemos a figura do sacerdote, outro Cristo, entregue aos seus paroquianos

“Também temos vindo a conhecer as paróquias da Diocese. Famílias inteiras assistindo à missa, jovens ocupando seu tempo em treinamento, oração, missão, acampamentos e retiros espirituais.
E por trás de tudo isso está a figura do sacerdote, aquele outro Cristo, felizmente entregue em alma e corpo aos seus paroquianos, dando exemplo na celebração de cada missa, rezando diante do Santíssimo (como é lindo ver um sacerdote rezar!), confessando, visitando os doentes e hospitais.

Santidade: é isso que queremos para nossos filhos. Se você vai entregar toda a sua vida a Deus, renunciando a qualquer outro projeto humano, faça valer a pena! Naquela Diocese, vimos padres com defeitos como todos os outros, mas que amam a Deus e cuja maior preocupação é a salvação das almas.

Somos como a mulher cananeia do Evangelho: só ousamos implorar e confiamos em sua bondade como Pai

“Como a mulher cananéia do Evangelho, só ousamos implorar a ela, por sua mãe na terra e sua mãe nos céus, que intervenha para que a decisão de fechar o seminário seja suspensa. Só de pensar para onde irão, como a comunidade vai se dispersar, como vai se dissolver essa linda família espiritual, que já é nossa, nos causa uma dor indescritível.

“Confiantes em sua bondade como Pai, nos despedimos pedindo sua bênção.” (JSG)

The post Seminário fechado na Argentina: Mães de seminaristas apelam ao Papa appeared first on Gaudium Press.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

seis + doze =

Latest News

Missionários Saletinos no Brasil realizam 27º Capítulo Provincial

Durante o encontro, os religiosos saletinos escolherão o novo Conselho Provincial para o triênio de 2021 a 2023. Paraná –...

Violência anticatólica no Chile: Bispos Argentinos da Patagônia se unem em oração

Unimos a Vós, queremos estar perto de Vós em profunda comunhão de oração, nestes momentos de tristeza e angústia. São Carlos de Bariloche – Argentina...

Polônia comemorou 36º aniversário do martírio do beato Jerzy Popiełuszko

Em 19 de outubro de 1984, poucas horas após celebrar sua última missa, o Padre Popiełuszko foi sequestrado e torturado até a morte, por...

Como podemos buscar viver um vida de santidade?

O propósito dessa pequena série de textos é ajudá-lo a identificar se você tem vivido uma vida mundana e, em caso positivo, mostrar que...

Dom Paulo Cezar Costa é nomeado o novo Arcebispo de Brasília

Anunciada a nomeação do novo arcebispo da arquidiocese de Brasília (DF), nesta quarta-feira, 21 de outubro. O Papa Francisco escolheu dom Paulo Cezar Costa,...

More Articles Like This