Exorcista explica razões pelas quais aumenta o satanismo no mundo

Exorcista explica razões pelas quais aumenta o satanismo no mundo

16 de março de 2018 0 Por Católica Conect

Fonte: ACIdigital (ACI).- O exorcista da Diocese de Reggio Emilia (Itália), Pe. Ermes Macchioni, advertiu que o satanismo está aumentando no mundo porque querem substituir Deus pelas idolatrias que estão contra o projeto divino e porque os que se dizem cristãos rezam pouco ou o fazem mal, e indicou que para reverter esta situação é necessário rezar o Santo Rosário.

Em declarações à revista italiana ‘La Fede Quotidiana’, o sacerdote assinalou: “O satanismo, com suas terríveis consequências, efetivamente está crescendo, é necessário reconhecê-lo e isto deveria nos levar a fazer um exame de consciência”.

Sobre as razões deste aumento, o exorcista explicou que “parece que cada vez mais perdemos a fé, a sociedade vive em um modo pagão e podemos dizer que está em ação a tentativa, inclusive difusa, de eliminar Deus da vida pública para substituí-lo pelo ‘eu’”.

“Atualmente, o homem se sente autorreferencial, pensa que não necessita de Deus. Tudo isto leva a idolatria do dinheiro, do êxito, do poder custe o que custar, do sexo descontrolado e contra o projeto de Deus, da pornografia. Além disso, rezam pouco e inclusive mal”, assinalou. Fazem “adaptações pessoais na oração, cada um acrescenta, tira, coloca algo sem ter a devida consideração à intenção da Igreja e sua tradição”, lamentou.

Além disso, indicou que “muitas pessoas que se dizem cristãos não rezam e a oração é a medicina fundamental da alma contra Satanás”. Por isso, exortou a rezar o Rosário, “que é uma arma potente e benéfica”.

O Pe. Macchioni recordou que ”tudo o que está contra o projeto de Deus vem do demônio e é inspirado por este”, como por exemplo, o grupo terrorista Estado Islâmico (ISIS).

“O ISIS mata em nome de um deus, isto é uma loucura e está contra o verdadeiro Deus. Saibam bem que tudo que está contra Deus provém de Satanás”, afirmou.

Ante as ações do maligno, o Pe. Macchioni assinalou que “uma medida dissuasiva formidável contra a insídia do demônio” é a Virgem Maria, pois “faz com que ele fuja com a meditação e a oração do Rosário”.

Além disso, encorajou a pedir também a ajuda dos santos, pois o demônio tem medo deles, entre outros, São Pio de Pietrelcina, Santa Gema Galgani e São Bento.