16.6 C
São Paulo
terça-feira, abril 20, 2021

Católico é morto por rezar em Hospital

O Assassino Jesse Martínez ficou furioso quando viu David Hernandes-Garcia rezando seu rosário e atacou o idoso de 82 anos com um cilindro de oxigênio.

Jesse Martínez, o assassino, ficou furioso quando viu David Hernandes-Garcias rezando seu rosário e atacou o idoso de 82 anos com um cilindro de oxigênio.

Lancaster – Califórnia – EUA (06/01/2021, 16:45,  Gaudium Press) Um idoso católico, paciente de covid-19, internado no Hospital Antelope Valley, em Lancaster, Califórnia (Estados Unidos) por ser católico e estar rezando seu rosário, foi espancado até a morte por Jesse Martínez que utilizou um cilindro de oxigênio como arma.

Martínez foi indiciado pelas autoridades judiciárias no final do último mês de dezembro e deve ser processado por assassinato, abuso de idosos e crimes de ódio motivados pela religião.

David Hernández-García, um católico de origem latina, de 82 anos, que foi espancado até a morte, morava em Lancaster, um subúrbio ao norte de Los Angeles, na Califórnia.

Jesse Martínez ficou furioso quando a vítima começou a rezar

O crime ocorreu na quinta-feira, 17 de dezembro de 2020, por volta das 9h45.

A polícia do Condado de Los Angeles emitiu um relatório dando conta de que o idoso estava sendo tratado de uma infecção provocada pelo coronavírus.

O relatório explica que idoso David Hernández-García, “estava internado no Hospital com o assassino –que também fazia tratamento- em um quarto para duas pessoas.

Jesse Martínez ficou furioso quando a vítima começou a rezar. Em seguida, atingiu David Hernández-García com um cilindro de oxigênio”.

Assassinato por ódio à Fé?

Após o violento ataque, o idoso “sucumbiu aos ferimentos e foi declarado morto em 18 de dezembro de 2020, por volta das 10:20. A vítima e o suspeito não se conheciam.

O tenente Brandon Dean, porta-voz do Departamento do Xerife, conta que após o incidente, Martínez foi detido por funcionários do hospital até a chegada da polícia e, em seguida, foi preso.

Autoridades municipais disseram que o hospital pouco poderia ter feito para prevenir a violência, pois, ali é um centro de atendimento de urgência, com poucos atendentes e com a “equipe médica sofrendo de exaustão”.

Não foi possível obter mais informações, pois, as investigações ainda encontram-se em andamento e as autoridades não fazer maiores comentários. Um porta-voz do hospital deu a mesma declaração.

Contudo pode-se adiantar que Martínez pode pegar até 28 anos de prisão perpétua na cadeia estadual, se for declarado culpado.

(Da Redação Gaudium Press, com informações ACI)

The post Católico é morto por rezar em Hospital appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

dezesseis + dezessete =

- Advertisement -

Ultimas Notícias