20.2 C
São Paulo
quinta-feira, junho 24, 2021

Roubaram o rosário de ouro que Maria Stuart, Rainha da Escócia, utilizou em sua execução

Ladrões invadiram o Castelo de Arundel em West Sussex, sul da Inglaterra, em 21 de maio, roubando o rosário e outros objetos no valor de mais de US $ 1,4 milhão.  

Redação (26/05/2021 10:34, Gaudium Press) “Esta é uma perda muito trágica para a história e especificamente para a história católica”, declarou Jan Graffius, a curadora das Coleções Stonyhurst, à CNA. “Desejo sinceramente que os objetos roubados sejam devolvidos rapidamente ao seu legítimo dono, cuja família fielmente cuidou deles ao longo de tantos séculos.”

Após a execução de Maria Stuart, seus objetos pessoais foram enviados ao Duque de Norfolk, líder católico britânico, cujos descendentes os conservaram até agora.

Quem foi Maria Stuart

Maria Stuart (1542-1587) foi rainha da França, enquanto esposa de Francisco II, de 1558 a 1560. Com a morte prematura do jovem e debilitado rei, voltou à Escócia para ocupar o trono de seu país natal, a que tinha direito como única filha legítima do finado rei Jaime V.

Entretanto, foi obrigada a fugir do país e, imprudentemente, pediu asilo à sua acérrima e mal disfarçada inimiga Elizabeth I da Inglaterra que a conservou prisioneira por 18 anos. Por fim, mandou executá-la a pretexto de seu suposto envolvimento numa conspiração que se destinava a matar a soberana inglesa.

Diante da morte, Maria Stuart conservou uma fidelidade total à sua fé católica, da qual nunca se afastou, mesmo em seus piores momentos, e fez questão absoluta de morrer como católica.

A maneira como se portou diante do infortúnio lhe conferiu o esplendor com que seu nome aparece na História.

Importância histórica do rosário

A polícia suspeita que os ladrões entraram por uma janela, no castelo – reaberto recentemente a visitantes -, quebraram a vitrine onde os objetos estavam expostos e fugiram antes da segurança chegar. O veículo usado no roubo foi queimado e abandonado nas proximidades.

Segundo o porta-voz do castelo, a importância histórica do rosário é inestimável. Com efeito, faz parte da história da família Howard e herança da nação.

“O valor real de certos objetos, como o rosário de Maria Stuart, não pode ser medido em termos financeiros”, ressaltou Jan Graffius.

The post Roubaram o rosário de ouro que Maria Stuart, Rainha da Escócia, utilizou em sua execução appeared first on Gaudium Press.

- Advertisement -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -

Ultimas Notícias