Governo colombiano autoriza reabertura de Igrejas em Bogotá

Must Read

Santa Úrsula

Úrsula nasceu no ano 362, filha dos reis da Cornúbia, na Inglaterra. A fama de sua beleza se espalhou...

29ª Semana do Tempo Comum – Quarta-feira

Primeira Leitura: Efésios 3,2-12 Leitura da carta de São Paulo aos Efésios – Irmãos, se ao menos soubésseis da graça que...

Arcebispo Australiano questiona Restrições do Governo a propósito da Covid-19

As pessoas estavam prontas para lampejos de esperança, mas não houve muita esperança oferecida às pessoas de Fé: as...


Controvertida prefeita de Bogotá estabeleceu que as igrejas não deveriam ser reabertas, mas a decisão de reabrir ou não os locais de culto passou para a alçada do governo nacional.

Controvertida prefeita de Bogotá estabeleceu que as igrejas não deveriam ser reabertas, mas a decisão de reabrir ou não os locais de culto passaram para a alçada do governo nacional.
Bogotá – Colômbia (28/08/2020, 15:30 – Gaudium Press) Enquanto a prefeita de Bogotá, a controvertida Claudia Lópes, esquerdista e participante de movimentos pro-LGTBI, dispôs que as igrejas permaneçam fechadas na capital colombiana, o governo da Colômbia publicou um decreto pelo qual está permitida a reabertura do culto público, dentro das já estabelecidas precauções sanitárias para a evitar a propagação do coronavírus.

As igrejas ficam abertas a partir da semana que vem, garante Ministro

Daniel Palácios, Vice-Ministro do Interior da Colômbia disse que o “O governo nacional governa para toda Colômbia”.
Ele garantiu também que a partir da próxima semana “as igrejas ficam abertas e que teriam que pedir para não exercerem suas atividades sempre e quando seja um município altamente afetado” pela pandemia.

 Controvertida prefeita de Bogotá estabeleceu que as igrejas não deveriam ser reabertas, mas a decisão de reabrir ou não os locais de culto passaram para a alçada do governo nacional.

Prefeita esquerdista de Bogotá perde poder de decisão sobre reabertura das Igrejas

Diante da posição de Claudia López, Palácios informou em sua declaração que “a prefeita teria que solicitar a interdição expressa (junto ao Ministério da Saúde) das igrejas que realizem atividades presenciais ou de qualquer setor que considere que não deve ser reativado argumentando a situação epidemiológica da cidade”. Em outras palavras, a decisão final para interditar ou abrir uma igreja ou qualquer outro setor caberia às autoridades estaduais e não ao governo municipal. (JSG)

The post Governo colombiano autoriza reabertura de Igrejas em Bogotá appeared first on Gaudium Press.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

15 − 7 =

Latest News

Santa Úrsula

Úrsula nasceu no ano 362, filha dos reis da Cornúbia, na Inglaterra. A fama de sua beleza se espalhou...

29ª Semana do Tempo Comum – Quarta-feira

Primeira Leitura: Efésios 3,2-12 Leitura da carta de São Paulo aos Efésios – Irmãos, se ao menos soubésseis da graça que Deus me concedeu para realizar...

Arcebispo Australiano questiona Restrições do Governo a propósito da Covid-19

As pessoas estavam prontas para lampejos de esperança, mas não houve muita esperança oferecida às pessoas de Fé: as piscinas e os Pet Shops...

Exposição dedicada a São João Paulo II é inaugurada em Roma

A exposição acontece por ocasião do centenário do nascimento de Karol Wojtyla, ficará aberta ao público até 2 de abril de 2021, aniversário de...

Bento XVI: silêncio, espera e desenlace

Bento XVI, figura sobre a qual os séculos futuros muito hão de falar, continua sendo personagem de proa das inquirições sem-fim que deixam todo...

More Articles Like This