Início Notícias da Igreja Indonésia: Terroristas nas escolas islâmicas

Indonésia: Terroristas nas escolas islâmicas

0
111

As redes terroristas estão usando internatos islâmicos como ferramentas para atingir seu objetivo.  

Redação (27/01/2022 11:06, Gaudium Press) Pelo menos 198 internatos islâmicos têm ligações com redes terroristas, de acordo com a Agência Nacional de Contraterrorismo da Indonésia.

O chefe da agência, Boy Rafli Amar, fez essa afirmação em uma reunião com parlamentares, em 25 de janeiro passado, relatando que a avaliação era resultado dos esforços de prevenção ao terrorismo no ano passado.

Os internatos islâmicos têm vínculos com Jamaah Ansharut Khilafah, Jemaah Islamiyah que tem ligações com a Al-Qaeda e Ansharut Daulah, um afiliado do Estado Islâmico.

Stanislaus Riyanta, analista de inteligência da Universidade estatal da Indonésia, ressaltou que a revelação não deveria ser uma surpresa e indicou que as redes terroristas estão mudando de tática.

 “Em vez de usar o terror, eles estão visando às atividades religiosas para ganhar influência na sociedade. Eles podem se infiltrar facilmente em internatos islâmicos e espalhar sua ideologia radical” explicou Stanislaus à UCA News.

“Eles querem ganhar poder político. Então, a primeira coisa que eles precisam fazer é recrutar mais membros”, continuou.

Já o padre franciscano Vinsensius Darmin Mbula, presidente do Conselho Nacional de Educação Católica, declarou ser “preocupante” esses dados, especialmente para os cristãos que muitas vezes foram alvos de extremistas.

“Os internatos islâmicos devem ser geridos de forma inclusiva e construir boas relações com os outros. É inquietante saber dessas ligações com extremistas”, declarou o sacerdote.

Ele afirmou que o governo precisa agir rapidamente para afastar essas escolas do extremismo e evitar que outras caiam sob seu feitiço.

 

 

 

The post Indonésia: Terroristas nas escolas islâmicas appeared first on Gaudium Press.